Band auxilia estudantes com nova plataforma de caronas

O Bandeirantes contratou o site Caronetas e agora disponibilizou uma plataforma de caronas exclusiva para os pais do Colégio. O objetivo é facilitar a rotina e possibilitar uma conexão maior entre alunos que moram próximos.

caronetas

Todos os pais receberam um email com um link para ativar o cadastro no site e fazer parte do sistema de caronas. É necessário preencher um pequeno formulário com o trajeto percorrido até o Colégio e o horário de saída, assim, o site pode analisar os dados de todos os cadastrados e dar sugestões de sistemas de caronas que podem ser feitos entre os pais. A partir disso, é possível mandar mensagens aos usuários tanto pedindo quanto oferecendo carona.

“Uma das vertentes que a gente tem procurado investir na Diretoria de Tecnologia é trabalhar em rede, assim, você vê como a rede do Bandeirantes  está distribuída na cidade e ajuda as pessoas a se conectarem. Então, em cima disso, dá para estabelecer como essas pessoas podem se ajudar”, explicou Emerson Pereira, Diretor de Tecnologia Educacional, “A gente disponibiliza o serviço, mas elas fazem as conexões se quiserem”.

A ideia é que, em meio ao caos de São Paulo e ao estresse do dia a dia, as pessoas possam auxiliar umas às outras. Além disso, o sistema também traz benefícios para o ambiente já que diminui a quantidade de carros indo ao mesmo lugar e dá aos alunos a chance de fazer novas amizades.

O Bandeirantes é a primeira escola a utilizar o Caronetas nessa função e a expectativa é de que o site possa, de fato, melhorar a qualidade de vida dos pais e alunos do Colégio. “Para que o sistema seja eficiente, o ideal é que o máximo de pais estejam cadastrados, assim, o site consegue obter mais dados e a rede se amplia”, declarou Fábio Gondo, analista de sistemas do Colégio.

Band lança aplicativo para pais e alunos

Desde 2014, os iPads são utilizados de forma intensa no Bandeirantes pelos professores e alunos. A novidade deste ano são os APPs desenvolvidos para os alunos, professores e pais.

aplicativo_1

Os Professores foram os primeiros a ter acesso. “As principais contribuições do APP do Band se referem a mobilidade e conectividade. Com um acesso ágil, rápido e fácil é possível fazer os registros necessários durante a aula e consultá-los a qualquer momento e em qualquer lugar”, acredita a Profa. Mariana Lorenzin, de Ciências.

aplicativo_2

Os pais e alunos terão um aplicativo voltado para eles a partir desta semana. “A grande vantagem é o rápido acesso ao horário escolar e às informações lançadas pelos professores como faltas, ocorrências e notas bimestrais”, explicou Alexandre Cury, Gerente de Tecnologia da Informação.

aplicativo_3

O aplicativo está disponível para o IOS e o download poderá ser feito tanto por um link disponibilizado no Portal do Band, quanto por QRCodes espalhados pelo Colégio.

“Este é um desejo antigo de todos bandeirantinos. Estamos felizes por realizá-la, mas isso é só o começo. A equipe de tecnologia está envolvida e inspirada para trazer novidades que facilitem o dia a dia das pessoas no Colégio.”, afirma Emerson Pereira, Diretor de Tecnologia Educacional do Band.

Alunos criam oficina sobre Impressora 3D

Após a criação de Comitê do HUB, grupo de professores e alunos que desenvolvem atividades para o espaço,  alguns alunos dos 9.os e 8.os anos decidiram produzir uma aula sobre como utilizar a impressora 3D para os seus colegas mais novos. Foram no total três aulas com cerca de 40 alunos cada dos 6.os e 7.os anos.

impressora_3D_1

“O objetivo do Comitê do HUB é escutar o que a comunidade Band está esperando desse ambiente e o que podemos fazer pra movimentá-lo”, explicou Tiago Eugênio, professor de Ciências.

impressora_3D_4

Para poder apropriarem-se devidamente do espaço, os alunos foram apresentados a cultura “maker space” e montaram um quadro na metodologia de design thinking, ou seja, um quadro de post its para a organização de pensamento. Este quadro diagnosticou quais as iniciativas necessárias para utilizar o HUB, entre elas surgiu a ideia de montar uma oficina da Impressora 3D

impressora_3D_3A partir disso, os alunos do 9.o ano David Silva, Diego Zancanelli, João Pedro Nobre e Luiza Motta, do 8.o ano, pesquisaram, estudaram e se prepararam para produzirem as aulas. “Eles foram muito pró-ativos e autonômos; aprenderam sozinhos a usar o programa Thinker Cad (programa de design 3D) a ponto de ensinar para os outros alunos”, contou Tiago.

impressora_3D_2

“Nunca tinha imaginado em ser professor, mas quando senti ali na pele achei bem legal”, comentou David Silva. “O legal de um aluno ensinando outro é que pude perceber como os professores ensinam e, assim, saber como eu gostaria que eles ensinassem”, completou.

Alunos buscam patrocínio para o “F1 in Schools”

Seguindo os sonhos da alta velocidade, alguns alunos do Ensino Médio estão enfrentando o desafio de criar um carro em miniatura de Fórmula 1. O “F1 in Schools” chegou este ano pela primeira vez ao Brasil e o Bandeirantes foi uma das poucas escolas escolhidas para participar desta emocionante competição. O torneio é internacional no qual participam cerca de 40 países e 20 milhões de estudantes ao redor do mundo.

f1_1

Sem medir esforços, os alunos, mesmo ainda sem a quantia necessária de patrocínio, já se organizam e dividem as tarefas. As funções adotadas por eles vão desde a Chefia de Logística da marca criada até a Chefia de Aerodinâmica do carrinho que será construído.

f1_2

“A vivência dessa oportunidade é espetacular. É um processo muito importante para alunos de Ensino Médio porque eles têm a chance de fazer o trabalho como se estivessem no Ensino Superior”, comentou a coordenadora de Tecnologia Educacional, Cristiana Mattos. “É uma experiência no mundo real”, concluiu.

Os alunos utilizarão o espaço HUB para projetar partes do carrinho que podem ser feitas na impressora 3D recém adquirida pelo Colégio.

No entanto para o projeto sair totalmente do papel, será necessário patrocínio. Para isto, os grupos formados (Scuderia 907, Boosters, Sampa Team, New Brazilian Racers e Força Canindé) junto do site Idea do Futuro lançaram-se na busca do financiamento coletivo.

Para acessar o site e ajudar os estudantes a concretizar o sonho, clique aqui.

Alunos do 6.o ano estudam com aplicativo

Utilizando novas ferramentas como material de estudo, os alunos do 6.o ano mais uma vez inovaram na criação de meios para melhorar o seu aprendizado e o de seus colegas. Nas aulas de História, foi proposto que eles utilizassem o aplicativo Popplet na criação de mind-maps, ou seja, infográficos que organizam ideias e materiais de estudo.

tutancamon1

Para o melhor entendimento do livro Tutancâmon e Sua Tumba Cheia de Tesouros, por exemplo, eles utilizaram o aplicativo e criaram diversos infográficos. O aluno, após fazer o material, pode compartilhá-lo com os colegas através da sala virtual do Moodle.

“O interessante é que a quantidade de aplicativos é tão grande e variada que você consegue apresentar apps diferentes, permitindo que alunos com estilos de aprendizagem distintas possam fazer uso daquele que melhor for ajudá-lo”, comenta Sílvia Vampré, coordenadora de Tecnologia Educacional. “O Colégio sempre preza a autonomia e estas ferramentas auxiliam nisso. Com o iPad e os apps, o aluno está muito mais inserido no seu próprio aprendizado”, acrescentou.

“Gosto muito e acho divertido demais usar aplicativos na hora de estudar. Ele organiza e a gente pode destacar as partes mais importantes para lembrar”, comentou a aluna Nicole Tang. “Eles incentivam os alunos a estudarem; e o melhor é que aprendemos brincando”, completou.

Alunos, professores e funcionários contam com armazenamento “na nuvem”

O Colégio Bandeirantes, em parceria com a Microsoft, disponibiliza 25GB de armazenamento online por pessoa na plataforma One Drive.

onedrive_for_business

Anteriormente, os alunos só podiam acessar o conteúdo arquivados na rede do Band por meio dos computadores do Colégio. Com a parceria, qualquer conteúdo poderá ser acessado de qualquer dispositivo independentemente de localização: tablets, smartphones e outros PCs. “É como um grande pen drive virtual acessível de qualquer lugar”, explicou Alexandre Cury, gerente de TI.

Além do armazenamento de arquivos, a possibilidade de compartilhamento é uma de suas principais funções. “Havia uma demanda de professores e coordenadores de compartilhar documentos que pudessem ser trabalhados simultaneamente, facilitando, assim, a edição desses entre as equipes”, disse Cury. Esse compartilhamento permite que professores facilmente compartilhem materiais utilizados em sala de aula para a visualização dos alunos em casa, por exemplo.

Para os alunos adaptarem-se a essa mudança, o Departamento de TI está produzindo tutoriais disponíveis no blog de Tecnologia (http://educadordigital.colband.net.br/). Ademais, os professores e funcionários receberão uma capacitação presencial para administrarem melhor as diversas utilidades que o Onedrive for Business oferece.